Página 6 - Informativo Fesp iNova - Nº 1 - Janeiro 2012

A qualidade do leite é tema do proje-
to de pesquisa da FESP orientado pela
professora Dr.ª Odila Rigolin de Sá. É
realizado pelas bolsistas do curso de Ci-
ências Biológicas Talita Silva, Neilma
Souza, Laís Ribeiro, Deidiane da Silva
e Cristiane Sifolelle, e pelo bolsista do
curso de Agronomia João Pedro Tomé.
Fazem parte da equipe técnica o pro-
fessor Norival França e a bióloga Keyla
Projeto analisa leite produzido na região
Cristiane Esper. O objetivo é avaliar a
qualidade do leite produzido na região
de acordo com a Instrução Normativa
Nº 51, determinação do Ministério da
Agricultura, Pecuária e Abastecimento,
que estabelece critérios de higiene, ma-
nejo, armazenamento e transporte do
produto. O leite produzido na região
deve atender a estas exigências até o
final de 2011 para que possa ser comer-
cializado. Para isso o projeto realiza,
no LAAPA (Laboratório de Análises
Ambientais e Produtos Alimentícios da
FESP), a análises de amostras coleta-
das nas propriedades leiteiras e comér-
cio local. O laboratório está equipado
para analisar 300 amostras por hora,
atendendo a produção leiteira dos mu-
nicípios de São João Batista do Glória,
Alpinópolis e Passos.
Pesquisa pretende aproveitar rejeitos de quartzitos
Matéria prima na produção
da “pedra mineira”, muito
utilizada como placa de re-
vestimento na construção
civil, o quartzito é explorado
nas regiões sudeste e sudoeste
de Minas Gerais. O Projeto Quartzito
realizado pelo aluno bolsista Rômulo
Gaspar da Costa, do curso de Enge-
nharia Civil e orientado pelo profes-
sor. Msc. Ivan Francklin Júnior, pre-
tende, por meio da análise do rejeito
de quartzito, verificar se o material
enquadra nos níveis de qualidade
estabelecidos pelas normas da cons-
trução civil. Este trabalho pretende
contribuir, principalmente, para a
redução dos impactos ambientais
negativos resultantes da exploração
dos quartzitos. Isto porque, duran-
te o processo de extração cerca de
8%
do material é aproveitado para
comercialização, ficando o restan-
te como rejeito nas pedreiras. Os
ensaios tecnológicos são feitos no
Laboratório de Materiais de Cons-
trução Civil da FESP e no Departa-
mento de Geotecnia da USP-EESC.